Seguidores

sábado, 8 de março de 2014

Cronograma 2º Trimestre



VAMOS SEMEAR!!!!
Mas o Fruto do ESPÍRITO É: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fé, mansidão, domínio próprio.(Gálatas 5.21)
QUERIDOS PROFESSORES
Cada aula é uma semente não podemos plantar de qualquer maneira...
Quanto tempo tenho para a aula?
Trabalhe para concluir a lição dentro do tempo estabelecido. Cuidado para não ser um professor que nunca conclui a lição. Três sugestões: (1) resuma os assuntos mais longos; (2) não gaste muito tempo nos mais polêmicos; (3) não se empolgue nos assuntos que mais gosta.
Qual o conteúdo da lição?
Identifique as doutrinas ou princípios que estão contidos na lição. Qual é o Propósito Principal da Lição (PPL)? Está claro para você, professor?
• TEMA da lição: o que o autor está falando?
ÊNFASE da lição: o que o autor está dizendo sobre o que está falando?
Quais os objetivos da lição?
a. O que quero que meus alunos saibam? (conhecimentos e habilidades intelectuais)
b. O que quero que meus alunos sintam? (interesses, atitudes e valores)
c. O que quero que meus alunos façam? (comportamento e palavras)
Que perguntas dos meus alunos preciso responder?
a. Por que preciso saber isto? TRABALHE O SIGNIFICADO
Os alunos querem e precisam saber qual a razão de estudar o assunto proposto.
b. O que preciso saber? TRABALHE O CONTEÚDO
Ao entender por que é importante estudar o assunto, os alunos precisam conhecê-lo e se aprofundar nele.
c. Como isto funciona? TRABALHE EXEMPLOS
Depois de conhecerem o assunto, precisam entender como ele funciona (principalmente na vida do professor).
d. Em que isso pode transformar-se? TRABALHE AS APLICAÇÕES
Encontre, no conteúdo da lição, como ela se aplica à vida dos alunos. Procure exemplos práticos de como esse conteúdo transforma vidas (caráter e conduta).
Seja seletivo. Você terá que escolher ou selecionar as aplicações que irá fazer. Selecione a que achar que o Espírito Santo quer que você ponha em ação agora. Não tente escolher muitas, poderá lhe trazer frustração e aí não conseguirá concretizar nenhuma.
Seja pessoal. Como é fácil usar os pronomes “nós”, “eles” e “nosso”, quando fazemos aplicação! E como é difícil falar “eu” preciso, “eu” devo, “eu” estou errado, etc. Lembre-se: a primeira pessoa com a qual Deus quer falar enquanto lê o texto bíblico e prepara a lição é você, depois poderá passar aos outros.


Que ferramentas posso usar no preparo da lição?
Imagine um pintor sem seus pincéis, ou um mecânico sem suas ferramentas! Quanta coisa útil um marceneiro pode fazer com seus instrumentos de trabalho! Com o professor da Bíblia não poderia ser diferente. Você vai precisar de ferramentas; e, melhor que ter muitos livros é ter bons livros.
Quais recursos audiovisuais disponho?
Cartazes, multimídia, retroprojetor.
Que estratégias didáticas vou usar?
Procure usar estratégias que estimulem a participação de seus alunos, valorizem o conteúdo, reforcem as aplicações e facilitem a aprendizagem. Verifique quais estratégias didáticas (métodos e técnicas de ensino, recursos didáticos, atividades lúdicas ou dinâmicas) que poderão ser utilizadas na sua aula para torná-la dinâmica e participativa.
Planejando a aula como um todo
Planejar é uma arte. É desenvolver a habilidade de ver o futuro com os pés no presente, sem parar de trabalhar com as mãos. Quando pensamos em nossa classe e escola bíblica, temos de nos preocupar com o aprendizado significativo para o aluno.
(EDITORA VIDA CRISTÃ) 

2014!!!!
ANO DA VOLTA DA VITÓRIA
É tempo de se colher o que se plantou e não deixar de semear. 

DENTRO DO CONTEXTO
Estamos nos preparando para o dia 19 de ABRIL, O DIA DA VOLTA DA VITÓRIA...
UNIDADE + AMOR VERDADEIRO = VOLTA DA VITÓRIA..
É NOSSA RESPONSABILIDADE TRAZER O PEQUENINO AO CONHECIMENTO DA BÍBLIA, SUA DIVISÃO, SEUS LIVROS MANEJANDO BEM A PALAVRA DA VERDADE E TORNANDO-OS ESTUDANTES DA PALAVRA DE DEUS 

PLANO DE AULA PARA OS MESES DE
MARÇO, ABRIL, MAIO DE 2014.
NOME:________________________________________
DATA:______/_____/______HORÁRIO______________
TEMA DA LIÇÃO BÍBLICA: _________________________
REFERÊNCIA BÍBLICA:_____________________________
VERSÍCULO CENTRAL:_____________________________
FAIXA ETÁRIA:__________________________________
ESTRATÉGIA:___________________________________
______________________________________________
______________________________________________
09 A 15 DE MARÇO 
 MATEUS 

1- OBJETIVO: Que a criança compreenda que o evangelho de Mateus ensina que Jesus Cristo é o Messias prometido por Deus para anunciar o Reino aos homens.
2 - QUEBRA-GELO: Palavra chave
Participantes: Indefinido.
Tempo Estimado: 10 a 15 minutos.
Material: Bíblia.
Descrição: Essa brincadeira segue certa lógica que será explicada para o grupo;
A lógica é: Com a palavra chave na mão, deve-se com o auxílio da Bíblia, procurar um versículo que se enquadre com a palavra chave. Anotar esse versículo e a citação Bíblica.
Exemplo: casamento: No terceiro dia, houve uma festa de casamento em Cana da Galileia, e a mãe de Jesus estava aí. (Jo 2, 1)
Outras sugestões de palavras-chave:
Pedra, pedreira, pedregulho ("Tu és Pedro")
Pobre, pobreza ("bem aventurados os pobres...")
Oração, oratório, templo, culto ("Jesus se afastava da multidão para orar")
Criança (“deixai vir a mim os pequeninos”)
Mulher ("tua fé te salvou")
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: E ela dará á luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus, porque ele salvará o seu povo dos seus pecados.(Mateus 1.21)
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Mateus 1.20,21 e 2.10-12
5- HORA DO ENSINO: Este é o primeiro dos quatro evangelhos. Mateus, também conhecido como Levi, era um publicano, ou seja, cobrador de impostos. Um dia Jesus chamou, e ele largou tudo para segui-lo, tornando-se um dos 12 apóstolos. Em seu livro, Mateus apresenta o Senhor Jesus como o Reis divino, o Messias de quem os profetas falaram no Antigo Testamento.
6 - APLICAÇÃO: Mateus foi um cobrador de impostos chamado por Jesus para ser um de seus discípulos. Ele escreveu este livro bem no inicio da igreja. Nessa época, a maioria dos cristãos eram judeus convertidos. Por isso, tentou provar aos judeus que Jesus Cristo era o Messias prometido, citando inclusive, o Antigo Testamento para mostrar como Jesus cumpriu as palavras dos profetas judeus. O evangelho de Mateus nos ensina que Jesus Cristo é o Messias prometido, e que a sua missão era apresentar aos homens o Seu Reino. Narra também a prisão, crucificação e ressurreição de Jesus. E, descreve o nosso compromisso de continuar fazendo discípulos. Devemos nos alegrar muito, pois Jesus, o nosso Salvador, é o mesmo ontem, hoje e será para sempre!
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Usando o texto de Mateus 18:20 – Porque, onde dois ou três estão juntos em meu nome, eu estou ali com eles” (NTLH). Faça uma reação junto com as crianças: Coloque um pouco de suco de uva em um copo transparente. Coloque uma colher de chá de bicarbonato de sódio no suco no copo e observe junto com as crianças a reação! Agora adicione suco de limão no líquido. Uma nova reação vai acontecer. Explique que quando se mistura dois ou três ingredientes acontece uma reação química. E quando dois ou mais cristãos estão juntos, uma reação espiritual acontece!


16 A 22 DE MARÇO 
 MARCOS 

1- OBJETIVO: Que a criança compreenda que o evangelho de Marcos mostra Jesus em Ação.
2 - QUEBRA-GELO: Vocês sabiam que Jesus também veio para servir? No livro de Marcos ele nos mostra um Jesus que veio para entregar a sua vida para o resgate de muitos. Pergunte as crianças o que elas podem fazer para ajudar (servir) as pessoas a sua volta?
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: Marcos 10.45 - Pois o próprio Filho do Homem não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos.
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: O Evangelho de Marcos.
5- HORA DO ENSINO: O Livro do Evangelho de Marcos
Em seu Evangelho, Marcos testemunha, com convicção, que Jesus é o Filho de Deus. Vocês sabiam que este é considerado o documento mais antigo que fala sobre a vida de Jesus? Ele foi escrito aproximadamente entre 50 a 75 anos depois de Cristo.
O livro de Marcos começa com o batismo de Jesus no rio Jordão por João Batista. Mas ele também fala sobre grandes milagres que Jesus fez como quando ele alimentou a multidão, a cura do cego Bartimeu.
Nele lemos sobre as parábolas do Reino de Deus, aprendemos sobre alguns dos ensinamentos de Jesus. E também nos relata sobre a entrada de Cristo em Jerusalém, a traição, o julgamento, a crucificação e a ressurreição. Apresentando-nos assim Jesus como o Messias e o Filho de Deus.
6 - APLICAÇÃO: Proponha um desafio às crianças. Proponha a elas que seja servos assim como Jesus. Peça que elas ajudem alguma pessoa, pode ser a mãe, a avó, o pai e depois relatem o que fizeram com um desenho ou escrevendo o que aconteceu em um papel.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Usando a o versículo em Mc. 1.17 – Disse-lhes Jesus, Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens. Prenda um ímã na borda de uma mesa com fita adesiva. Abra um clipe de papel e encoste na ponta do ímã (esse será o ‘anzol’), vá pedindo para cada criança aproximar um clipe no clipe anterior e veja quantos clipes dá para pendurar neste anzol até ele cair. Pescar é legal, principalmente quando você pesca pessoas como Jesus disse para fazer. Separe algumas tiras de papel e ajude as crianças a escreverem o nome de algumas pessoas que querem ‘pescar’ para Jesus e reflita com elas como se pode ‘pescar’ pessoas... 

23 A 29 DE MARÇO
LUCAS 

1- OBJETIVO: Que a criança compreenda que Lucas não conheceu Jesus pessoalmente, mas registrou em seu livro com precisão e cuidado tudo o que ele ouviu sobre o Salvador.
2 - QUEBRA-GELO: Lucas observava, ouvia e memorizava tudo! Agora está na hora das crianças se sentirem como ele naquela época, peça para que elas desenhem ou descrevam como elas chegaram até a igreja, o que chamou atenção e se elas perceberam algo feito por Deus no meio do caminho.
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: “E aconteceu que, abençoando-os ele, se apartou deles e foi elevado ao céu. E, adorando-o eles, tornaram com grande júbilo para Jerusalém. E estavam sempre no templo, louvando e bendizendo a Deus. Amém.” Lucas 24:51-53
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: LIVRO DE LUCAS
5- HORA DO ENSINO:
 O livro tem 24 capítulos;
 Lucas é o próprio autor do livro;
 Foi escrito entre 59 a 75 depois de Cristo; 


6 - APLICAÇÃO: Nós não tivemos a oportunidade de conhecer Jesus pessoalmente porque não vivemos na época que ele morou aqui na terra, mas hoje ouvimos falar dEle e podemos saber tudo que Ele fez. Mesmo Jesus tendo vivido há quase 2.000 anos atrás, a Bíblia não muda, continua do mesmo jeitinho e temos que continuar praticando as mesmas coisas, porque os exemplos que têm nela nunca ficam velhos. Jesus é o nosso maior exemplo, a quem temos que seguir e obedecer, e Lucas entendeu isso desde o começo, por isso resolveu escrever tudo o que sabia sobre Jesus. Ele percebeu o quanto essa história foi e é importante para a humanidade, e com certeza, Lucas obedeceu a Deus. Imagina se ele não tivesse escrito e tivesse guardado a história só pra ele? Talvez não saberíamos das coisas maravilhosas que Jesus fez e faz por nós.
O importante é entender que, mesmo não vivendo a época que Jesus viveu e mesmo não conhecendo ele pessoalmente, podemos deixar que ele more no nosso coração, tome conta da nossa vida e o melhor, podemos fazer as mesmas coisas que ele fazia!! Então não perca tempo, não deixe de ouvir e compartilhar as maravilhas de Jesus, assim como Lucas fez.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Uma grande transformação! Encha meio copo de vidro com água. Coloque algumas gotas de tintura de iodo representando uma vida cheia de erros. Agora vá colocando cândida aos poucos até que a água fique transparente novamente (atenção! Não deixe que as crianças manipularem a cândida nem a água com a mistura, após o experimento retire de perto das crianças). Quando seguimos a Jesus, Ele faz grandes mudanças em nossa vida! Lucas 19: 1-9 Zaqueu tinha feito muita coisa errada, mas Jesus mudou Zaqueu e pode mudar você também! 

30 DE MARÇO A 05 DE ABRIL
JOÃO 

1- OBJETIVO: Que a criança conheça alguns milagres de Jesus e lembre-se que Jesus continua a fazer milagres e maravilhas na vida daqueles que nele creem.
2 - QUEBRA-GELO: Dança das cadeiras com a música “Milagres de Jesus” – Aline Barros e Cia 3
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: Porque Deus amou o mundo de tal maneira, que deu o seu filho unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna. João 3.16
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Água se transforma em vinho: João 2.1-11; A cura de um cego: João 9.1-12; A multiplicação do lanche: João 6.1-15.

5- HORA DO ENSINO: O amor de Jesus por nós é tão grande que Ele morreu numa cruz para nos salvar. Ele foi morto porque isso fazia parte do plano de Deus para a nossa salvação. Jesus morreu na cruz por você e por mim, para que nossos pecados fossem perdoados. Jesus te ama! Ele deseja que você O receba como seu Salvador. Enquanto estava aqui na terra, Jesus realizou muitos milagres e maravilhas, porque Ele é poderoso para salvar, libertar e curar. Certa vez Jesus e seus discípulos foram convidados para uma festa de casamento. Maria, a mãe de Jesus, também estava participando da festa. Durante a festa, o vinho acabou. Maria aproximou-se de Jesus e contou-lhe o problema. – Mas ainda não chegou a minha hora de começar a fazer milagres, disse Ele. – Faça tudo o que Ele lhes disser. Então, Jesus disse aos servos para encherem de água os vasos ali perto. – Levem alguns ao mestre de cerimônias, disse Jesus. O mestre de cerimônias provou do líquido. A água tinha se transformado em vinho. Esse foi o primeiro milagre de Jesus. Certo dia, Jesus ia caminhando quando viu um homem cego a beira do caminho. Com muito amor, Jesus olhou para ele. Então, os discípulos perguntaram: Foi ele quem pecou ou os seus pais para que nascesse cego? Jesus respondeu: - Ele é cego, não por causa dos pecados de seus pais. É cego para que o poder de Deus se mostre nele. Então, Jesus cuspiu no chão, misturou a saliva na terra, passou nos olhos do cego e ordenou: - Vá até o tanque de Siloé e lave o seu rosto ali. O cego correu obedecendo à ordem de Jesus. Ao lavar os seus olhos, ele foi curado. O homem foi sarado e ainda teve seus pecados e perdoados. Outra vez, Jesus precisava alimentar uma multidão que o seguia. Mas não havia ali dinheiro nem pão suficiente para todos. Então um menino ofereceu seu lanche, cinco pães e dois peixinhos. Como alimentar tanta gente com tão pouco? Jesus pegou o lanche e agradeceu a Deus pelo alimento. Depois, partiu o pão e o peixe em pedaços e os deu aos discípulos para que distribuíssem ao povo. Todos ficaram fartos aquela noite. Foi um verdadeiro banquete. Jesus é poderoso! Ele é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Ainda hoje Ele continua fazendo maravilhas e quer operar milagres em sua vida.
6 - APLICAÇÃO: Peça para as crianças refletirem e contarem algum milagre que Jesus já fez na sua vida, na sua família ou em alguma outra situação. Para ficar divertido, leve um microfone de brinquedo e chame as crianças a frente para dar o testemunho.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: 3 se formam em 1! (Jo. 1:1) O verbo-palavra é Jesus!. Leve para sala uma garrafa plástica transparente com mais da metade de água quente dentro, coloque na boca da garrafa um cubo de gelo. Peça para as crianças contarem o que estão vendo... (um vapor vai se formar e o gelo vai derreter..). Em seguida explique que são 3 diferentes formas de água (vapor, gelo e líquido) mas todas elas continuam sendo água! É mais ou menos assim com Deus, Jesus e o Espírito Santo. Todos os 3 são 1 e cada um é uma pessoa diferente!! Entregue um papel criativo ou cartolina no tamanho de um cartão e peça para os maiores escreverem nele o que entenderam do versículo, aos menores peça um desenho sobre a experiência ou sobre o versículo. 

06 A 12 DE ABRIL
A VIDA DE JESUS 

1- OBJETIVO: Que a criança compreenda que Jesus nasceu, cresceu, morreu, ressuscitou por cada um de nós e um dia voltará com poder e grande glória para chamar aqueles que são seus.
2 - QUEBRA-GELO: Prepare uma caixa contendo os seguintes objetos ou pode ser figuras: Chupeta, mamadeira, carrinho, bola, martelo, pão, peixe, vinho, azeite, prego, cruz e um lençol ou pedaço de pano. Combine com as crianças que cada uma delas ou o próprio professor retirará um objeto da caixa e eles deverão falar a que momento da vida de Jesus aquele objeto pertence. Exemplo: Mamadeira- quando Ele era bebê, Bola - de quando Ele era criança, Martelo – De quando Ele ajudava seu pai como carpinteiro, Peixe – Milagre da multiplicação, Lençol – Ressurreição, etc. Vá dando dicas para a turma se você sentir que eles têm dificuldades.
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: João 10:11 “Eu sou o bom Pastor, o bom pastor dá a vida pelas ovelhas”
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Os Evangelhos
5- HORA DO ENSINO: Desde o seu nascimento até a sua ressurreição, Jesus passou por várias perseguições, mas nunca deixou que elas atrapalhassem os planos de Deus em sua vida. Desde o seu nascimento sempre foi perseguido, o Rei Herodes queria matá-lo por medo de perder o seu trono (Mateus 2: 13), mas Jesus sempre estava protegido pelo Pai que enviava os seus anjos para guardá-lo. Ainda em sua infância com apenas 12 anos vemos Jesus no meio dos doutores da lei, já ensinando sobre o reino de Deus (Lucas 2: 46). Depois de seu batismo foi levado pelo Espírito de Deus ao deserto para ser tentado pelo diabo o qual foi derrotado por Ele apenas com a Palavra de Deus (Mateus 4: 1). Daí em diante, começou a sua trajetória de milagres e de perseguições de pessoas que não acreditavam nele. Passou pela morte ao ser crucificado em uma cruz (Mateus 27:32) e triunfou ao 3º dia ao ressuscitar(Mateus 28:1).
6 - APLICAÇÃO: Você já foi perseguido alguma vez? Na escola, na sua rua ou na sua casa? É ruim não é mesmo? Pois, é Jesus já foi muitas vezes perseguido quando estava em forma de homem aqui na terra e o pior de tudo sem ter feito nada de errado. Mesmo assim Ele jamais desejou o mal àqueles que o perseguiu (Mateus 5:44), muito pelo contrário nos ensinou que devemos amá-lo e orar por eles (Lucas 23:34). Poxa vida como pode ser? Você pedir perdão por alguém e dizer que eles não sabem o que fazem? Jesus queria dizer que eles faziam aquilo porque não o conheciam de verdade, pois se conhecessem jamais agiriam daquela forma. Aquelas pessoas que te perseguem não te conhecem, porque se te conhecessem saberia que você é um filho, um servo de Deus. Por isso, não guarde em seu coração sentimentos de raiva e rancor, de vingança e de ódio, pois assim Deus poderá te ajudar a vencê-los e te exaltara. Ore a Deus e peça que Ele tire de você todo e qualquer sentimento que venha atrapalhar o agir de Deus em sua vida.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Providencie com antecedência as seguintes figuras:
 Nascimento de Jesus
 Jesus aos 12 anos
 Jesus sendo batizado
 Jesus fazendo algum milagre
 Jesus sendo crucificado
 O túmulo de Jesus
 Ressurreição de Jesus
 Jesus vindo sobre as nuvens.

Misture todas essas figuras e coloque sobre uma mesa (se sua turma for grande tente conseguir duas ou três figuras de cada item listado, assim você poderá separar os alunos por equipe) e diga que ao seu comando eles deverão organizar as figuras em painel com o título “A VIDA DE JESUS” e colar na ordem certa. 

VALE O LEMBRETE!!! PROFESSOR DA ESCOLINHA TÁ DENTRO...
Estamos nos preparando para o dia 19 de ABRIL, O DIA DA VOLTA DA VITÓRIA...
UNIDADE + AMOR VERDADEIRO = VOLTA DA VITÓRIA..

13 A 19 DE ABRIL
ESPECIAL DE PÁSCOA 

1- OBJETIVO: Que a criança reconheça o real significado da Páscoa: Jesus que morreu e ressuscitou para nos salvar.
2 - QUEBRA-GELO: Prepare antecipadamente uma mesa com elementos que represente a páscoa no velho testamento, no novo testamento e nos dias atuais. Com na figura abaixo. Se você quiser mais detalhes de como prepara essa mesa entre no blog: htpps://catianeb70.blogspot.com.br 
 
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: João 3: 16 “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu Filho unigênito para que todo aquele que Nele crê não pereça, mas tenha a vida Eterna”.
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Marcos 14:12 a 26.
5- HORA DO ENSINO: Quem não gosta de Páscoa?Todos nós gostamos porque quando pensamos em Páscoa logo lembramos de que mesmo? CHOCOLATE é isso mesmo. Hum... e são uma delícia, mas hoje vamos aprender mais uma lição sobre a Páscoa. Já aprendemos que a Páscoa é uma festa muito antiga e que foi celebrada para preparação da saída do povo de Deus que era escravo lá no Egito das mãos do malvado Faraó (Êxodo 12: 1 a 28). A palavra Páscoa significa passagem, que significa a passagem da escravidão para a liberdade. Aquele povo estava preso e oprimido por Faraó, mas Deus estava preparando tudo para que eles fossem libertos e pudessem viver felizes. Lembre-se que tudo foi preparado para a saída deles, cada ato tinha um significado especial. O sangue que foi passado nas janelas e portas representava o sangue de Cristo que viria em breve para salvar a humanidade, a carne assada e as ervas amargas representavam a amargura do povo em ser escravo no Egito, pão asmo ou pão sem fermento, pois o fermento simboliza o pecado. E assim o povo saiu do Egito e estavam prontos para enfrentar o mar vermelho onde eles passaram salvos a seco. Mais tarde, porém alguns muitos anos vê-se novamente a preparação lá no novo testamento, onde Jesus que é o nosso cordeiro iria derramar seu sangue por nós, mas Ele também teve uma preparação junto com seus discípulos onde instituíram a Páscoa novamente, agora tinha pão e vinho. Jesus parte, dá graças ao Pai e come, depois disso vindo o Calvário. Lembrem-se, temos sempre que nos preparar para grandes batalhas, Jesus deixou a nós esse exemplo lindo. Como nos preparamos? Orando, lendo a bíblia, nos consagrando, nos afastando de coisas impuras, etc. Assim somente é que vamos vencer grandes batalhas, estando preparados.
6 - APLICAÇÃO: Durante essa aula falaremos sobre os três tipos de Páscoa, a do antigo testamento, a do novo testamento e a dos dias atuais. Como havia falado antes prepare uma bela mesa com os elementos que representam as três páscoas, ao ir explicando para as crianças, deixe que elas observem os objetos, se forem perguntando você pode ir explicando conforme dá a aula, prepare-se antes, lembrem-se da nossa lição, o povo de Israel e Jesus se prepararam para grandes batalhas, você deve se preparar para que a sua aula seja inesquecível, se eles quiserem no final da aula você pode deixar eles comerem o que tem na mesa para sentirem o gosto do que se comia na Páscoa daqueles tempos. Depois de comentar sobre as duas Páscoas em uma roda de conversa questione se a nossa Páscoa de hoje tem haver com a verdadeira Páscoa ou é somente algo comercial. Escute-os e depois explique que a Páscoa de hoje é puramente comercio, que coelhos não põem ovos, muito menos de chocolate, e explique a eles que o verdadeiro sentido da páscoa é o amor de Jesus por nós, que devemos amá-lo e respeitá-lo todos os dias da nossa vida seguindo o que Ele diz em sua Palavra. Não é pecado comer ovos de chocolate, não é pecado comer chocolate, mas que na páscoa o que devemos dar além de chocolate é o amor ao nosso próximo assim como fez Jesus por nós, e devemos espalhar a todos os nossos amigos e familiares essas boas novas.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Cruz e Cordeiro – Jogo da Velha. Desenhe as linhas do jogo da velha em papel criativo ou cartolina no tamanho de sulfite ou menor. Imprima o rosto de ovelhinhas e formatos de cruz (ou desenhe em EVA), se achar melhor, essas figuras poderão ser coladas em tampinhas de garrafa PET. Divida as crianças em duplas e cada uma ficará com 5 peças e assim iniciam o jogo para ver quem ganha nas mesmas regras do jogo da velha: 3 peças iguais na horizontal, vertical ou diagonal. Dependendo do número de crianças de suas salas, o jogo poderá ser a lembrancinha que levarão para casa. 

20 A 26 DE ABRIL
ESPECIAL DE PÁSCOA 

1- OBJETIVO: Que a criança compreenda o verdadeiro sentido da Páscoa que vai além de doces e chocolates
2 - QUEBRA-GELO: Música
Minha Páscoa - Turma do Printy
É claro que eu gosto de chiclete e chocolate bombom, pé-de-moleque, pirulito e tudo mais, só que eu aprendi que o doce mais doce não se faz.
Pois como o doce é doce ao nosso paladar, o doce mais doce não se pode fabricar o doce mais doce só Jesus nos pode dar
O gosto amargo da tristeza e do fel, Jesus provou na cruz para me levar pro céu, e tornou assim, a minha páscoa doce como mel
Ele é minha alegria, morreu para me dar a salvação, ressuscitou ao terceiro dia, Cristo é a minha redenção, minha páscoa, minha salvação minha páscoa, minha salvação
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: I Coríntios 5.7b - Porque a nossa Festa da Páscoa está pronta, agora que Cristo, o nosso Cordeiro da Páscoa, já foi oferecido em sacrifício.
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: I Coríntios
5- HORA DO ENSINO:
PASCOA, O CORDEIRO PELO COELHO?
A Páscoa é uma festa comemorada pelos judeus, pelas pessoas do mundo e também por nós cristãos, quando falamos nela, vem logo em nossa mente a figura do coelho branquinho, corredores de supermercado lotados de ovos de chocolates de todos os tipos e tamanhos.
Na semana passada vocês aprenderam qual é o significado real da Páscoa (professor peça para as crianças lembrarem a lição anterior). Mas se a páscoa é Jesus como foi que as pessoas chegaram a coelhos e ovos?
Isso começou há muito tempo na França por volta de 1915. A cor do coelho e a sua rapidez contribuíram para o seu lugar na simbolização, as histórias falam que ele representa a morte e a ressurreição de Cristo pelo fato de que alguns coelhos que habitavam em lugares frios e nevados hibernavam e só saiam das cavernas com a chegada da primavera. Mas nós sabemos que não podemos aceitar isso, pois em toda a Bíblia encontramos o cordeiro e não o coelho como símbolo de Cristo que é a nossa páscoa.
Já o ovo apareceu como símbolo de começo, origem de tudo. Pois no ovo contém vida (que é o pintinho). Mas em Cristo não contém vida. Ele é a própria Vida.
Diante disso não podemos aceitar e nos conformar com essas coisas, pois o sacrifício de Cristo, que é o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo que é a nossa Páscoa. Portanto é uma festa do Cordeiro de Deus e não do coelho. Ele deve ser o alvo, o centro da festa, o que foi sacrificado e ainda liberta de todo o pecado e do destruidor. Não podemos transformar tão grande sacrifício num festival de comidas e doces; comamos chocolate sim, porém sem ignorar o verdadeiro sentido da páscoa.
6 - APLICAÇÃO:
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Decorando marcadores de páginas. Aqui estão alguns modelos, mas nada impede que você faça o seu. Leve para sala botões, fitas, lantejoulas, adesivos, canetinhas, para que os marcadores fiquem bem personalizados. 

27 DE ABRIL A 03 DE MAIO
TRABALHADORES DA BÍBLIA 

1- OBJETIVO: Trabalhar é bom e necessário. Desde o inicio Deus nos ensina sobre o trabalho. Ele mesmo trabalhou por seis dias na criação do mundo e no sétimo descansou.
2 - QUEBRA-GELO: Prepare uma caixa com alguns objetos dentro que representem profissões como, por exemplo, um avental, um martelo, uma seringa, uma colher de pedreiro, uma colher de pau, linha de costura, bola, uma flauta, uma bíblia etc..coisas que representem profissões e de preferência de brinquedo. Não deixe que as crianças vejam o que tem na caixa antes da aula começar. Faça-os sentarem em círculo e escolha uma criança para começar a brincadeira. Ela deve estar sentada em uma cadeira que esteja no centro do circulo e deve tirar um objeto da caixa e tentar descobrir a que profissão pertence aquele objeto. Pode também dividir a sala em dois grupos e cada um dos grupos terem um representante que vai recebendo dicas da sua equipe para poder descobrir qual é a profissão. Enquanto isso os demais devem ficar em silêncio e esperar sua vez.
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: I Timóteo 5:18b “Digno é o trabalhador do seu salário.”
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Mateus 20: 1 a 16
5- HORA DO ENSINO: Para dar inicio a nossa aula usaremos aqui como base a Parábola dos Trabalhadores. Para que trabalhar? Trabalhar é bom ou necessário? Desde o inicio Deus

nos ensina sobre o trabalho. Ele mesmo trabalhou por seis dias na criação do mundo e no sétimo descansou. O homem não precisava trabalhar, mas por causa da sua desobediência teve que trabalhar e muito duro para poder sobreviver (GN3: 19). Dessa forma, até hoje trabalhamos para nosso sustento. As profissões também são antigas, Caim e Abel que eram os filhos de Adão e Eva tinham suas profissões, o Caim era lavrador da terra, ou seja, plantava para colher seus alimentos enquanto Abel era pastor de ovelhas, ou seja, cuidava de todas as ovelhas e de seus filhotes. E infinitamente outros profissionais veremos na bíblia em uma lista logo mais abaixo. O trabalhador tem seu papel fundamental na sociedade, e no mundo espiritual não é diferente, nós também temos que trabalhar muito para o crescimento do reino de Deus como vimos na parábola que lemos, os trabalhadores foram à plantação de uvas cada qual em um horário diferente, por que o Senhor Jesus não chama todas as pessoas de uma vez, cada qual tem um tempo para poder entender o querer de Deus, então aqueles que chegaram primeiro não acharam justo receber a mesma quantia em dinheiro do que aqueles que chegaram depois e se revoltaram. Hoje em dia não é diferentes pessoas não aceitam que outras cheguem depois delas na igreja ou na escolinha e sejam abençoadas da mesma ou melhor que elas, não podemos deixar isso entrar em nossos corações, isso impede de Deus nos abençoar. Fique ligado!
6 - APLICAÇÃO: Comece sua aula conversando com as crianças sobre a profissão dos pais deles, deixe que eles exponham seus conhecimentos. Pergunte a elas o porquê elas acham que é necessário ter uma profissão, por que temos que trabalhar etc. Depois levante a questão de que se elas já sabem o que querem ser quando crescer. Observe junto com elas a lista abaixo e comente quais são as profissões daquela lista que elas conhecem ou que tem alguém de sua família que exerça alguma delas. Faça ela em uma cartolina ou na lousa e deixe um espacinho na frente para ir anotando e ver qual delas será mais votada.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Observe a lista abaixo com as profissões da bíblia. Leve para a sala recortes de jornais, revistas ou figuras relacionados com algumas dessas profissões. Coloque na parede papel pardo ou similar para fazer um mural. Vá mostrando a figura e conversando com as crianças se sabem que profissão é aquela, o que faz essa pessoa e no final conte quem na Bíblia tinha essa profissão. Peça para uma criança colar a figura no “Painel das Profissões Bíblicas”!
Noé - lavrador
Obede-Edom - porteiro na época de Davi
Benaia – guarda (segurança) na época de Davi
José – carpinteiro
Jesus - carpinteiro
José – governador
Dorcas – costureira
Naamã – comandante do exército
Menina - escrava (servia a Naamã)
Preso com José - padeiro
Preso com José - copeiro
Assistiu Paulo e Silas ser liberto da prisão - carcereiro
Davi – pastor de ovelhas e rei
Otniel – juiz
Pedro – pescador
Andre, Tiago, João – pescador
Hulda - profetisa
Eliseu – lavrador
Esdras - escriba
Lidia - vendedora
Arão – sacerdote
Ester – rainha
Asafe – músico
Neemias – copeiro
Lucas – médico
Abel – pastor
Debora – juíza
Raquel – pastora
 · Mateus – coletor de impostos
Sifrá – parteira
Potifar – capitão da guarda
Caim – lavrador
Abel - pastor de ovelhas
Esau – caçador
Paulo – fazedor de tendas
Amós – vaqueiro-boiadeiro
Moisés - arquiteto
Bezalel - artesão construtor da arca
Jacó - pastor de ovelhas
Zaqueu – coletor de impostos

04 A 10 DE MAIO
PARÁBOLAS DE JESUS 

1- OBJETIVO: Que a criança entenda que Jesus gostava sempre de ensinar e que Ele usava uma linguagem diferente (parábolas) para ensinar as verdades de Deus.
2 - QUEBRA-GELO: Coloque sobre uma mesa vários objetos diversos como: tesoura, caderno, apontador, livro, bíblia, clips, borracha, cola... Peça para que as crianças observem bem. Depois diga para que fechem os olhos enquanto isso você retira da mesa algum objeto. Ao abrir os olhos as crianças devem dizer qual objeto está faltando. Continue a brincadeira enquanto for agradável. Ressalte o versículo do dia.
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: Por isso lhes falo em parábolas, porque vendo, não vêem; e ouvindo, não ouvem, nem entendem. (Mateus 13:13)
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Mateus 13:10-17
5- HORA DO ENSINO: O que é uma parábola? É uma história, uma narração, que utiliza coisas materiais, naturais, comuns, para ensinar algo, para ilustrar uma verdade.
Jesus sabia muito bem fazer isso. Ele encontrou lições na relva e nas flores, no vento e na rocha. Ele falou muito de vinhas e trigos, de joio, de espinhos e de cardos.
Jesus conhecia bem o lugar da raposa e o caminho dos lobos e das ovelhas. E falou especialmente do lar, de sal e de lâmpadas, de cozinha e de limpeza, de festas e de casamentos, de pais e de filhos. E Suas palavras eram maravilhosas, pelo modo como tornavam a realidade sobre o o céu tão real e clara. 6 - APLICAÇÃO: A criança deve perceber que Jesus usava as parábolas para falar sobre o Reino de Deus através de comparações e estas verdades são para os dias de hoje. E que muitas vezes temos que conviver entre justos e injustos, salvos e perdidos e sermos a diferença para essas pessoas.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Leve para a sala este jogo da memória que possui os elementos usados por Jesus em suas parábolas:

11 A 17 DE MAIO
PARÁBOLAS DE JESUS 

1- OBJETIVO: Que a criança possa assimilar e aplicar a história da parábola do Semeador em sua própria vida
2 - QUEBRA-GELO: Há! Há! Coloque as crianças em um círculo ao seu sinal uma criança deverá começar dizendo a exclamação HÁ! A criança do lado em seguida tem que dizer: HÁ!HÁ! a próxima criança: HÁ!HÁ!HÁ! e assim por diante. Não vai demorar muito para todas darem risada, mas diga que quem der risada terá que cumprir alguma tarefa (escolha algo como atravessar a sala pulando com os pés juntos, imitar algum animal, etc).
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: “E as sementes que foram semeadas em terra boa são aquelas pessoas que ouvem, e entendem a mensagem, e produzem uma grande colheita.” (Mt. 13: 23)
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Mateus 13:1-9, 18-23
5- HORA DO ENSINO: O que é a semente? É a Palavra de Deus. E a terra? É o coração do homem, é o seu coração. Que espécie de solo tem o seu coração? É duro como a beira do caminho ou cheio de pedras, ou, ainda, coberto de espinhos ou é uma terra boa, terra fértil, que recebe com alegria os ensinamentos da Palavra de Deus?
O nosso coração precisa ser a terra boa, que vai receber com alegria os ensinamentos do Senhor, e vai produzir muitos frutos, frutos de excelência, e a sua vida será cheia da presença do Senhor, a graça d'Ele estará em você e todos verão a glória, o brilho, a vida do Senhor em todas as suas atitudes, suas palavras, seu comportamento.
6 - APLICAÇÃO: Para que nossa vida produza uma grande colheita precisamos preparar a boa terra que é o nosso coração: lendo a Bíblia, orando, indo á Igreja, louvando...crescendo espiritualmente.
Tudo o que se planta, colhe:
Você quer ser amado? Ame. Quer ser respeitado? Respeite. Quer ser abençoado? Abençoe. Quer ter paz? Viva em paz com todos. Quer tirar boas notas? Estude.
O que está plantado em seu coração será sua colheita muito em breve.
7 – USANDO A CRIATIVIDADE: Incentive as crianças a fazerem uma pequena encenação (teatro) sobre o que acabaram de aprender. Você poderá usar o livro SEMEAR nesta aula. Leve um pedaço de papel pardo ou outro papel e coloque no chão e sobre ele algumas sementes, peça uma criança para que seja o pássaro e pergunte o que aconteceu com aquelas sementes. Depois coloque pedrinhas no papel que está no chão e uma criança para representar o sol (pergunte novamente o que aconteceu). Agora coloque palitos de dente pelo caminho para representar os espinhos e por fim, num potinho plástico com terra peça á uma criança que coloque uma semente. Deixe que as crianças digam o que irá acontecer em breve!
Após a conclusão das crianças lembre que nosso coração precisa ter as condições favoráveis para a Palavra de Deus crescer nele!

18 A 24 DE MAIO
PARÁBOLAS DE JESUS – A CASA EDIFICADA NA ROCHA 

1- OBJETIVO: Quando escuto e faço a vontade de Jesus, sou como homem sábio que construiu sua casa num fundamento forte e seguro.
2 - QUEBRA-GELO: Quem já viu uma casa em construção? Mas, quem já viu uma construção bem de pertinho e parou para olhar o trabalho que os homens fazem quando estão construindo uma casa ou um prédio? (deixe as crianças responderem).
Que ferramentas os homens usam? (se puder mostre algumas delas). Eles limpam o terreno, marcam os seus limites e começam a construir os alicerces ou as suas fundações. Eles usam muito concreto e ferro apropriado para que fique uma construção bem sólida.
3- VERSÍCULO PARA MEMORIZAR: Mateus 7.24 - Todo aquele, pois, que ouve estas minhas palavras e as pratica será comparado a um homem prudente que edificou a sua casa sobre a rocha.
4- REFERÊNCIA BÍBLICA: Mateus 7.24-27 e Lucas 6.46-49
5- HORA DO ENSINO: A casa edificada na Rocha
Jesus contou muitas histórias para nos ensinar sobre as coisas de Deus. Porém às vezes os discípulos e pessoas não conseguiam entende-las, então Jesus as explicava.
Certa vez, quando Jesus estava ensinando as pessoas, Ele lhes contou uma história sobre dois homens que construíram suas casas. Um desses homens era o prudente (sábio) e construiu sua casa sobre a rocha. Ele cavou um buraco profundo e fez o alicerce bem sólido. O terreno era bem firme e a casa foi sendo construída de uma forma muito segura, até ficar pronta. Porém, um dia veio uma tempestade muito forte, o vento fazia, uh...uh... uh, os relâmpagos brilhavam no céu, os trovões faziam tremer, e a chuva caia fortemente. Os rios foram enchendo, enchendo e transbordaram. E a água batia contra aquela casa, mas, nada aconteceu com ela, porque foi construída sobre a rocha.
Mas havia outro homem, que não era prudente, ele e